Sable é o Segundo alelo mais dominante na série A e somente é recessivo à cor dominante monocromática. Caracteriza-se por pêlos vermelhos com pontas pretas (em cães de nariz preto) ou pontas em vermelho-fígado (nos cães com nariz vermelho-fígado). Nos merles os pêlos tanto podem apresentar pontas pretas como azuis (ou vermelho e vermelho claro). O sable ainda ocorre nos Aussies, apesar de já ter sido muito mais comum do que é atualmente. Segundo as Padronagens de Criação é uma cor desclassificatória, entretanto pode ser bem admirável. Provavelmente a cadeia genética persiste porque nem sempre é reconhecida em sables merle e em sables vermelhos. Cães monocromáticos podem ser portadores recessivos (A a^y), então o sable pode ocorrer mesmo em ninhadas de pais monocromáticos.

Estes desenhos de pêlos de cobertura ilustram a distinção entre o sable e o não-sable. O pêlo da esquerda é típico de sable de nariz preto. O pêlo é avermelhado e somente sua ponta é preta. Se o cão for um azul merle de nariz preto, também haverá pêlos com pontas azuis. O pêlo do meio é típico da cobertura de um sable de nariz vermelho. Novamente, o pêlo é avermelhado e somente a ponta é vermelha. Nos sables vermelhos merle há tanto pontas vermelhas claras como escuras. Já que há menor contraste visual num pêlo vermelho com ponta vermelha do que num pêlo vermelho de ponta preta, os sables vermelhos são mais difíceis para detectar-se à primeira vista. O pêlo à direita é típico de um cão vermelho não-sable. O pêlo apresenta a mesma coloração em toda sua extensão. Os pêlos de um preto não-sable preto também apresentam coloração uniforme em toda sua extensão.

Este é Riot, a foto é cortesia de Mary Hawley (da Pastores Australianos Windsor). Ele não apresenta qualquer ponto Tan, mas tem generosas áreas brancas, na padronagem irlandesa. Ele deveria ser denominado azul merle e branco. Ele não é totalmente merle, já que possui a marcação branca. Seu genótipo provável é (A? B? Mm s^i s^i). Logicamente, ele também poderia ser homozigótico para o gene supressor da formação dos pontos Tans “K”. Seria necessário conhecer as cores em seu pedigree para determinar se ele é “A?” ou “K”. ambos genótipos são similares, mas sua coloração total é herdada diferentemente.

Esta é uma foto de Gunner e Braun. Gunner, à esquerda, é um filhote azul merle normal. Braun, à direita, é um azul merle sable. Seus pêlos são avermelhados com pontas pretas nas áreas pretas, e azuis nas áreas azuis. Este efeito lhe dá uma aparência geral “muddy” (enlameado), se comparado a Gunner. O genótipo de Gunner é (a^t a^t Bb Mm), enquanto o de Braun é (a^y a^t Bb Mm).

Aqui Braun mostra seu padrão merle. As pontas pretas em seus pêlos são especialmente perceptíveis em seu colar. Como um Pastor alemão sable, suas pernas e áreas acima dos olhos apresentam ausência das pontas escuras, causando destaque aos pontos de tan nestas áreas. O sable é herdado como dominante simples sobre o tan, e Braun herdou seu padrão sable de sua mãe vermelha sable merle. Seu pai era um azul merle normal, como Gunner.

Este rapaz chamativo é Monanee, um Aussie muito grande, registrado na ASCA. Ele é um sable merle no qual as pontas pretas dos pêlos são suficientemente intensas para deixar seu merling mais destacado que o normal. A maioria dos merles sable não são assim tão distintos, e freqüentemente têm a aparência azul merle “muddy”. Os olhos de Monanee são amarelo limão e sua pelagem de cobertura avermelhada tem pontas azuis ou pretas, dependendo da localização. Ele é um cão treinado para auxiliar um cadeirante.

Estes filhotes azuis merle sable são da mesma ninhada. O mais escuro provavelmente apresenta genótipo (a^y a^t B? Mm), enquanto a mais clara deve ser homozigótica para sable (a^y a^y B? Mm). Em várias crias que apresentam sable, os homozigóticos têm um tom mel claro, e aqueles que são sable, mas carregam recessivamente o padrão dos pontos de tan, são bem mais escuros. Note as pontas azuis nos pêlos da orelha da filhote mais clara. O padrão merle é visto bem mais facilmente no filhote mais escuro. Às vezes, os sables claros são confundidos com amarelos Lócus E. para distinguí-los, cheque as pontas dos pêlos. Um amarelo não apresenta pontas mais escuras.

Este close-up é da cabeça da merle sable mais clara, com sete semanas. Note como sua orelha apresenta pêlos com pontas azuis e pretas distintas. As pontas pretas são evidentes em quase todo seu corpo, mas o azul é especialmente visível nesta orelha. Os amarelos Lócus E apresentam coloração semelhante, mas não têm pontas escuras.

Este é Scooter, bi-campeão mundial de Frisbee, pertencente a Lou McCammon. Scooter é um vermelho merle sable. Seus pêlos são vermelhos com pontas fígado, mas o contraste é facilmente visível somente em sua face. Foi difícil discernir visualmente as pontas nos pêlos de seu corpo, mesmo examinando-os de perto. Simplesmente não há grande contraste entre o avermelhado dos pêlos e as pontas vermelho-fígado, como há nos pêlos avermelhados com pontas pretas. O merling somente é visível em suas orelhas. Seu genótipo provável é (a^y a^t bb Mm).

Este é um close-up de Regal, filho de Scooter. Regal é um merle sable homozigótico de nariz preto, e apresenta pontas azuis e pretas na pelagem avermelhada, mostrando contraste bem maior que Scooter. Regal apresenta algumas áreas vermelhas muito ricas em sua pelagem, mas ele é um azul merle sable como Braun, não vermelho. Seu genótipo é (a^y a^t Bb MM).

Esta foto de um filhote de Aussie sable é cortesia de Kristin McNamara. Aqui, sem merling para distrair nosso olhar, o sable é facilmente reconhecido. Os pêlos deste indivíduo são avermelhados com pontas pretas. Num sable vermelho, ainda mais num sable vermelho merle, o contraste de cores é bem menor e o cão pode ser confundido com um vermelho ou vermelho merle normal. Se for um sable azul merle pode facilmente ser identificado simplesmente como azul merle “muddy”. Isto provavelmente decorre do sable permanecer na cadeia genética. Não é associado a qualquer problema de saúde e é normal em muitas das criações. A dificuldade reside na identificação dos merles sable para fins de criação.

Este é Lotto, foto de Marla Lunt. Ele apresenta várias padronagens de pigmentação interessantes simultâneas! Ele é um vermelho sable com máscara E^M. Por sua cor base ser o vermelho, sua máscaratambém é vermelha. O sable é mais perceptível em sua face e cabeça; há muito menos contraste de cores entre os pêlos e suas pontas num sable de cor básica preta. Seu genótipo provável é (a^y ? bb E^M ? mm).